Cada um de nós tem uma chave para a sabedoria universal dentro de si. Abrindo o coração, entrando no silêncio, podemos aceder ao conhecimento que o vento murmura.

Retiro de Meditação

Nos dias 9, 10 e 11 de Junho organizamos um Retiro de Meditação dedicado à (Auto-)Compaixão.


Tema do Retiro : Auto-compaixão

No processo de crescimento pessoal, espiritual e psicológico, uma das barreiras mais comuns é a auto-critica.
Quando procuramos meditar, nem sempre conseguimos a paz que procuramos. Pensamentos surgem sem parar; há emoções à mistura…
Podemos tornar-nos os nossos piores inimigos quando no nosso interior experimentamos emoções ou sentimentos “negativos” ou mesmo pensamentos “negativos”.
A sociedade e a cultura em que vivemos, promove um auto-aperfeiçoamento contínuo, recorrendo muitas vezes a padrões de auto-crítica, rejeição, castigo. Se nos copiamos este discurso, a nossa voz interior pode acabar a agredir-nos. Tornamos o nosso inimigo.

Mas há uma alternativa. Podemos ser o nosso melhor amigo – e a prática de mindfulness e auto-compaixão pode ser o ambiente perfeito para iniciar uma bela amizade.

Mindfulness, mais do que uma actividade, é uma atitude. Uma atitude de estarmos plenamente atentos e conscientes daquilo que está a acontecer agora - sem julgamentos. Sem julgamento: sem sentir que deve alterar seja o que for; não desejando nem rejeitando aquilo que é observado.

Na prática de meditação de plena atenção podemos começar a observar sentimentos, pensamentos, sensações, emoções. Treinamos a mente a não apegar a nada que surge - observando apenas, deixando dissolver tudo que surgiu.

Quando notamos que estamos a sofrer ou em dificuldades de prosseguir com a meditação, há várias aproximações que podemos ensaiar para encarar a situação. Neste retiro, vamos explorar a auto-compaixão. Uma aproximação de gentileza e bondade para connosco, que terá os seus efeitos não só nas horas de meditação, mas igualmente na maneira como experimentamos o dia-a-dia.


No retiro, haverá cinco sessões (curtas) de meditação guiada, em que são ensaiados caminhos para chegar à auto-compaixão. Em seguida, nas horas de meditação silenciosa, praticamos individualmente - se quiseres podes meditar em grupo, no espaço de meditação colectiva, ou encontrar um lugar sossegado nos terrenos da Munda.
No domingo, a tarde será dedicada à prática de meditação de amor e bondade para com a Terra e a Vida que nela há.

Durante as horas de meditação silenciosa, haverá a possibilidade de combinar uma sessão de acompanhamento individual com a facilitadora.

Data: de sexta feira 9 de Junho 19h ao domingo 11 de Junho 18h.
Local:  Munda , Evoramonte
Facilitadora: Rietske van Raay

Nº de participantes: 12 pessoas


Valor: 150€ (incl. estadia em yurt partilhado, refeições, lanches)

Formulario de inscrição: clique aqui

Data limite de inscrição:  25 de Maio.
Inscrições são confirmadas após transferência bancária do valor de inscrição
IBAN        PT50 0018 039500200006579 38

Sobre o local:

Nos terrenos da Munda, um espaço natural junto ao Castelo de Evoramonte, a energia calma e serena convida à introspecção profunda.
A Munda dispõe de 4 yurts, cada um com uma capacidade de 4 pessoas. Os yurts são as tendas dos nómadas da Mongólia. Feitos com materiais orgânicos, como madeira e várias camadas em lona de algodão e feltro de iaque (que mantém o calor na estação fria e o fresco na quente) presas com cordas feitas de crina de cavalo.
Encontram-se em quatro zonas distintas, com muito espaço e privacidade. Cada yurt tem cozinha e casa de banho compostável com duche. Estão preparados para acomodar quatro pessoas. 
O espaço tem ainda uma piscina biológica e uma sauna solar, que podem ser utilizadas durante o retiro.
As refeições fornecidas são vegetarianas, biológicas, equilibradas e adaptadas para a prática meditativa.
Veja o site da Munda aqui 


Programa: 

sexta feira, dia 9, das 18h às 20h: recepção e instalação dos participantes.

20h Jantar / Meditação da Lua Cheia

Sábado dia 10
7:00-8:00 Meditação em silêncio
8:00-9:30 Pequeno almoço
9:30- 10:00 Meditação guiada  - Preparação: Limpeza energética e acalmar a mente
10:00 - 11:00 Prática
11:00 chá
11:30 - 12:00 Meditação guiada  - Meditação da aceitação
12:00 - 13:00 Prática

Almoço

15:00 - 16:30 Tema: Auto-compaixão:  Reconhecer, Aceitar, Investigar, Não-julgar
(introdução e meditação guiada)
16:30 Chá
17:00 - 18:30 Prática

Jantar

21:00 - 22:00 Meditação (com Taças Tibetanas)

Domingo dia 11
7:00-8:00 Meditação em silêncio
8:00-9:30 Pequeno almoço
9:30- 10:00 Meditação guiada   Reconhecer, Aceitar, Investigar, Não-julgar
10:00-11:00 Prática 
11:00 chá
11:30 - 12:00 Meditação guiada -  Tong-len: transformação de sofrimento em compaixão
12:00 - 13:00 Prática
Almoço

15:00 - 16:30 Compaixão como suporte de Meditação para a Paz na Terra
16:30 Chá
17:00 - 18:00 encerramento



Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...